Notícias

Lançado o YouTube Music por US$ 9,99 mensais

O lançamento foi feito apenas nos EUA, Austrália, Nova Zelândia, México e Coréia do Sul, com Áustria, Canadá, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, Irlanda, Itália, Noruega, Rússia, Espanha, Suécia, Suíça e Reino Unido.


Há meses, o YouTube planejava reformular a sua oferta de assinatura musical com Lyor Cohen, chefe de música da empresa, conversando sobre a estratégia de lançar o YouTube Red e o Google Play Music juntos, além de recomendações e promoções de artistas. O novo serviço YouTube Music foi lançado em 22 de maio de 2018.

"O YouTube Music é um novo serviço de streaming feito para músicas oficiais, álbuns, milhares de playlists e rádios de artistas, além do enorme catálogo de remixes, apresentações ao vivo, covers e videoclipes do YouTube, tudo isso organizado e personalizado”, explicou o gerente de produtos Elias Roman em um blog.

O lançamento foi feito apenas nos EUA, Austrália, Nova Zelândia, México e Coréia do Sul, com Áustria, Canadá, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, Irlanda, Itália, Noruega, Rússia, Espanha, Suécia, Suíça e Reino Unido. O YouTube Music custa US $ 9,99 por mês, e o novo serviço ainda estará ao lado do Google Play Music por enquanto, em vez de substituí-lo.

“É uma boa notícia para quem é assinante do Google Play Music, que receberá uma assinatura do YouTube Music Premium como parte de sua assinatura todo mês. E se você usa o Google Play Music, nada mudará. Você ainda poderá acessar todas as suas músicas, envios e playlists comprados no Google Play Music como sempre", escreveu Roman.

O YouTube Music também está ao lado de uma assinatura separada do "YouTube Premium", que custa US$ 11,99 por mês. É o substituto do YouTube Red, incluindo acesso em segundo plano e offline a todos os conteúdos do YouTube, com programas originais e uma assinatura do YouTube Music incluída.

A postagem do blog divulga um importante dado: "Mais de 1 bilhão de fãs de música acessam o YouTube todos os meses para fazer parte da cultura musical e descobrir novas músicas", de acordo com Roman - A primeira vez que o YouTube divulgou uma estatística de seus usuários de música.

O blogueiro também sugeriu que o YouTube está trabalhando em um equivalente à playlist Discover Weekly do Spotify e que a avaliação gratuita do YouTube Music será de 30 dias, mas "poderia ir a noventa dias, eles têm suporte para isso... é flexível".

Fonte: musically.com

Para mais informações sobre este artigo e ajuda com campanhas digitais, favor entrar em contato com anthony@musically.com

Font: musically.com